Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular 2021

Reforma Tributária afetará rotinas na área do Direito

 Previsão é de que as mudanças aconteçam este ano e advogados tributários precisam estar atentos

 

Discutida há alguns anos, a Reforma Tributária dá sinais de que pode ser aprovada em 2019. Dentre as mudanças, as que chamam mais atenção são as de unificação de impostos, racionalização da carga tributária e maior equilíbrio fiscal no país.

Para os advogados que trabalham nessa área, mudanças são novidades. As determinações sobre taxas, contribuições, impostos e legislações tributárias estão em constante transformação, mas para este ano a expectativa é ainda maior.

“O nosso país é dividido em três esferas de poder: municipal, estadual e federal. Isso faz com que tenhamos uma quantidade expressiva de normas em matéria tributária sendo editadas todo o ano. Acompanhar esse emaranhado é um desafio constante para o profissional do direito tributário”, explica do coordenador do curso de Especialização em Direito Tributário da PUC-Campinas, Carlos Otávio Ferreira de Almeida.

 

Área em alta

De acordo com o Guia Salarial Robert Ralf 2019, no campo jurídico, profissionais da área de Direito Tributário estão entre os três mais demandados para este ano. As mudanças constantes somadas à incessante necessidade de otimizar custos dentro das organizações garantem espaço no mercado para esse colaborador.

As empresas e os escritórios de advocacia estão de olho naqueles profissionais com visão de negócios, inovação, senso de dono e, principalmente, atualização sobre as regras vigentes no país.

 

Qualificação

Para estar por dentro da legislação tributária brasileira, a PUC-Campinas oferece o curso de Especialização em Direito Tributário. O programa é voltado a consultores, administradores, gerentes, auditores fiscais e demais interessados na área.

“O nosso profissional está sendo preparado e cada vez mais demandando, principalmente em uma cidade como a de Campinas, com um enorme número de empresas privadas e públicas” explica Almeida. Para conferir os detalhes sobre o curso, clique aqui: https://bit.ly/2HrHWxN



Silvia Perez de Freitas
30 de janeiro de 2019