Observatório PUC-Campinas
Observatório
PUC-Campinas
Facebook
Central de
Atendimento
ao Aluno

logo-praticas-formacao

As Práticas de Formação são atividades eletivas que fazem parte da matriz curricular dos cursos de Graduação da PUC-Campinas, e que propiciam, por meio da interdisciplinaridade e da flexibilização curricular, o desenvolvimento de soft skills – habilidades e competências relacionadas ao comportamento humano e social do profissional e, de hard skills – conhecimentos que potencializam a formação integral do aluno de graduação.

O objetivo das atividades é ampliar e enriquecer a formação do aluno, propiciando oportunidades para desenvolver habilidades, experiências e conhecimentos nas diferentes áreas, discutindo temáticas sociais, culturais, esportivas, econômicas, empreendedoras, tecnológicas e de saúde. As atividades também envolvem assuntos que colaboram com os alunos no meio universitário, bem como, na sua transição para o mercado de trabalho.

As Práticas de Formação são, portanto, um banco de recursos educativos para auxiliar o aluno a tornar-se um profissional qualificado, um cidadão consciente e responsável e um ser humano realizado.

As atividades de Prática de Formação são disponibilizadas semestralmente para matrícula dos alunos em dois períodos distintos:

Período Especial: São oferecidas somente atividades de 17 horas-aula (um crédito) e os formandos têm prioridade na matrícula. As aulas do Período Especial ocorrem, sempre que possível, na semana que antecede o início das aulas do semestre letivo.

Período Regular: São oferecidas atividades de 17 ou de 34 horas-aula (um ou dois créditos respectivamente) e não há prioridade na matrícula. As aulas do Período Regular ocorrem durante o semestre letivo.

Critérios de Classificação e Vagas Remanescentes

Nas Fases Classificatórias os alunos podem optar por até seis atividades, contudo, a matrícula é realizada, sempre que possível, somente em uma delas.

Ao processar as intenções de matrícula, o Sistema utiliza-se de um cálculo que atribui aos alunos um Índice de Classificação (IC). Assim, é a partir desse IC que os alunos são matriculados nas atividades.

O IC considera no cálculo o desempenho individual do aluno e de todos os outros do mesmo curso, além da sua progressão no curso e o período no qual está matriculado.

O índice de Classificação é obtido pela fórmula:

IC = CDnorm + IP + CN + PE, onde:
CDnorm: coeficiente de desempenho do aluno (média ponderada das notas), dividido pela média dos coeficientes de desempenho dos alunos de seu curso;
IP: índice de progressão do aluno (créditos cursados com aprovação divididos pelo total de créditos do curso);
CN: 0,2 ponto concedido ao aluno regularmente matriculado em curso noturno;
PE: prioridade eventual, no valor de 0,5, concedida eventualmente pela CPRAFOR para correção de situações excepcionais.

O Índice de Classificação também pode ser descrito pela fórmula seguinte:

criterios-praticas

Havendo empate, são aplicados sucessivamente os seguintes critérios:

1º aluno formando;

2º aluno mais velho.

Vagas Remanescentes: Após a Fase Classificatória, as vagas não preenchidas são denominadas de remanescentes e ficam disponíveis para que os alunos interessados possam efetuar a matrícula IMEDIATAMENTE, não havendo assim uma nova classificação. Uma vez confirmada a intenção de cursar a atividade, ela é inserida imediatamente na Grade de Disciplina do aluno, ficando este responsável por constatar a efetivação da matrícula.

Orientação para Matrícula

1 – Pré-requisito

As atividades de Prática de Formação devem ser cursadas junto com os demais componentes curriculares e a matrícula nas atividades pode ser realizada somente a partir do 2º período. Para consultar o número de créditos de Práticas de Formação do seu Curso, o aluno deve acessar, por meio de sua área logada, o seu Informativo Acadêmico.

 

2 – Acessar o elenco das atividades.

Ao disponibilizar a matrícula nas atividades de Práticas de Formação, o aluno deverá acessar, por meio de sua área logada, o elenco das atividades oferecidas, dentre as quais poderá selecionar seis de seu interesse.

3 – Observar as descrições e selecionar as atividades de interesse.

Ao clicar na atividade de interesse, informações como: descrição da atividade, dias e local de oferecimento e horários das turmas, ficam disponíveis para consulta. Para participação em algumas atividades são necessários conhecimentos prévios ou apresentação de atestado médico, como por exemplo, para atividades físicas. Sendo assim, antes de confirmar sua intenção de matrícula, o aluno deve ler atentamente todas as informações.

Alteração nas indicações são permitidas apenas nas Fases Classificatórias sendo consideradas as opções realizadas no último acesso.

4 – Salvar/Imprimir o protocolo de intenção de matrícula.

Ao concluir todos as etapas de matrícula, o sistema disponibilizará para salvar ou imprimir o protocolo de confirmação. Esse protocolo poderá ser útil diante de qualquer imprevisto, portanto, é aconselhável tê-lo salvo ou impresso.

5 – Consulta ao resultado de matrícula.

No prazo estabelecido e divulgado previamente (vide cronograma), o aluno poderá acessar em sua área logada o Banner específico de “Resultado de matrícula em Prática de Formação”. A matrícula na atividade também poderá ser conferida acessando a Grade de Disciplina: (Área Logada> MENU> Acadêmico> Grade de Disciplina). Caso o aluno não tenha sido atendido em nenhuma de suas opções, ele poderá matricular-se nas vagas remanescentes, de acordo com o cronograma divulgado.

Se a consulta a sua Grade de Disciplina for por meio de Smartphone, no aplicativo há duas maneiras de acesso:

Grade Semanal: Constam as aulas do aluno que ocorrerão na semana em que foi realizada a consulta.

Grade Completa: Constam todas as aulas que ocorrerão no decorrer do semestre letivo.

Para confirmar a matrícula na atividade de Prática de Formação por meio da Grade de Disciplina, aconselhamos que o discente acesse a Grade Completa.

Exclusão

A Resolução Normativa 017/17, deixa expresso que após a efetivação da Matrícula nas Atividades de Práticas de Formação, o discente somente pode requerer a exclusão das atividades observando uma das seguintes situações: a. Trabalho; b. Doença.

Notas:

a) Relativamente à situação “a”, serão deferidos os pedidos de exclusão somente nos casos em que a Matrícula na atividade de Prática de Formação anteceda a data da contratação formal do aluno e desde que sejam anexados ao requerimento, os seguintes documentos que comprovam o vínculo empregatício:

I. cópia do Contrato de Trabalho ou da página da Carteira Profissional, constando a data da contratação;

II. declaração original da Empresa, em papel timbrado com CNPJ ou com seu carimbo, constando o horário de expediente, a data de admissão e a assinatura do responsável pela contratação.

b) Relativamente à situação “b”, o discente tem que apresentar Atestado Médico que comprove a impossibilidade de frequentar no mínimo 75 % (setenta e cinco por cento) das atividades previstas para as Práticas de Formação.

c) Em ambos os casos, o prazo estabelecido para solicitar a exclusão da atividade é de até no máximo 05 (cinco) dias úteis a contar do início da contratação ou do afastamento médico.

d) A reprovação nas Atividades de Práticas de Formação implica crédito excedente na compatibilização do número de créditos.

Cronograma

PERÍODO ESPECIAL


De 19 a 23 de julho

FASE CLASSIFICATÓRIA 
Período estabelecido para a pré-matrícula (opções) em atividades de Práticas de Formação referente ao Período Especial. Todos os alunos alocados a partir do 2º período (exceto dos Cursos de tecnologias), poderão optar por até 06 atividades, por ordem de preferência, sendo que os formandos terão prioridade na matrícula. 

O processo de matrícula será por classificação.

Alteração das opções: Poderão ser efetuadas somente nesse período, sendo considerado o último acesso.

25 de julho

RESULTADO
Os alunos que fizeram as suas opções para o Período Especial, poderão conferir se alguma atividade lhe foi atribuída, acessando Banner de Resultados disponibilizado na área logada do aluno e a sua Grade de Disciplina.

EXCLUSÃO – A exclusão da atividade poderá ser solicitada por motivo de trabalho ou doença, mediante a apresentação do documento comprobatório (comprovante de vínculo empregatício ou atestado médico). Conforme determina a Resolução Normativa das Práticas de Formação em vigor, em ambos os casos (trabalho ou doença), o prazo estabelecido para solicitar a exclusão é de 05 (cinco) dias úteis a contar do início dessas situações. 
OBS – A reprovação nas atividades de Práticas de Formação implica crédito excedente na compatibilização do número de créditos. 

25 e 26 de julho

VAGAS REMANESCENTES – Alunos formandos
Os alunos formandos poderão efetuar a sua matrícula em mais créditos de Práticas de Formação. A efetivação da matrícula é realizada por ordem de acesso e imediata.

A partir de 27 de julho

VAGAS REMANESCENTES – Todos os Alunos
Todos os alunos alocados a partir do 2º período (exceto dos Cursos de tecnologias), poderão incluir mais créditos de Práticas de Formação. A efetivação da matrícula também é realizada por ordem de acesso e imediata.

03, 10, 17 e 24 de agosto

Período de realização das aulas da Semana Especial



PRIMEIRA FASE


De 19 a 23 de julho

FASE CLASSIFICATÓRIA
Período estabelecido para a pré-matrícula (opões) em atividades de Práticas de Formação referente à Primeira Fase de oferecimento. Todos os alunos alocados a partir do 2º período (exceto alunos dos Cursos de tecnologias) poderão optar por até 06 atividades, por ordem de preferência.

O processo de matrícula será por classificação.

Alunos dos cursos de tecnologias poderão optar por LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais), por meio de requerimento, na Central de Atendimento ao Aluno.

Alteração das opções: Poderão ser efetuadas somente nesse período, sendo considerado o último acesso.

31 de julho

1ª FASE - RESULTADO
Os alunos que fizeram as suas opções para a Primeira Fase, poderão conferir se alguma atividade lhe foi atribuída, acessando a sua Grade de Disciplina e o Banner (Resultados) disponibilizado na área logada do aluno.

EXCLUSÃO – A exclusão da atividade poderá ser solicitada por motivo de trabalho ou doença, mediante a apresentação do documento comprobatório (comprovante de vínculo empregatício ou atestado médico). Conforme determina a Resolução Normativa das Práticas de Formação em vigor, em ambos os casos (trabalho ou doença), o prazo estabelecido para solicitar a exclusão é de 05 (cinco) dias úteis a contar do início dessas situações.
OBS – A reprovação nas atividades de Práticas de Formação implica crédito excedente na compatibilização do número de créditos.

31 de julho e 1º de agosto

VAGAS REMANESCENTES – Alunos sem atribuição
Os alunos que participaram da Fase Classificatória e não tiveram atividade atribuída, poderão se matricular em outra atividade. A matrícula será efetivada por ordem de acesso e imediata.

A partir de 02 de agosto

VAGAS REMANESCENTES – TODOS os alunos
Todos os alunos veteranos (exceto dos Cursos de tecnologias), poderão incluir mais créditos, até 02 dias antes do início das atividades.

10 de agosto

Início das atividades da Primeira Fase

SEGUNDA FASE


De 23 a 26 de agosto

FASE CLASSIFICATÓRIA
Período estabelecido para a pré-matrícula (opões) em atividades de Práticas de Formação referente à Segunda Fase de oferecimento. Todos os alunos alocados a partir do 2º período (exceto dos Cursos de tecnologias) poderão fazer de 01 a 06 opções, por ordem de preferência.

O processo de matrícula será por classificação.

ALTERAÇÃO DAS OPÇÕES: poderão ser efetuadas alterações nas opções realizadas somente nesse período, sendo considerado o último acesso.

 

27 de agosto

RESULTADO
Os alunos que fizeram as suas opções para a Segunda Fase, poderão conferir se alguma atividade lhe foi atribuída, acessando a sua Grade de Disciplina e o Banner de Resultados, disponibilizado na área logada do aluno.

EXCLUSÃO – Somente poderá ser solicitada a exclusão da atividade por motivo de trabalho ou doença, mediante a apresentação de justificativa com comprovante de vínculo empregatício ou atestado médico. Conforme determina a Resolução Normativa das Práticas de Formação em vigor, em ambos os casos (trabalho ou doença), o prazo estabelecido para solicitar a exclusão é de 05 (cinco) dias úteis a contar do início dessas situações.
OBS – A reprovação nas atividades de Práticas de Formação implica crédito excedente na compatibilização do número de créditos.

A partir de 27 de agosto

VAGAS REMANESCENTES – Todos os Alunos

Todos os alunos alocados a partir do 2º período (exceto dos Cursos de tecnologias), poderão incluir mais créditos de Práticas de Formação

09 de setembro


Início das atividades da Segunda Fase