Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular de Inverno

WEBINÁRIO DISCUTE A INTEGRIDADE NA PRODUÇÃO ACADÊMICA

Com acesso livre a todos os interessados, o evento contará com a participação de Jean Guerrero-Dib, diretor do Centro de Integridad Académica y Docente da Universidad de Monterrey, no México

A Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação da PUC-Campinas está organizando o webinário “A integridade no centro da produção acadêmica”, que vai acontecer na próxima quarta-feira, 03 de fevereiro, a partir das 14h30. O evento contará com a presença de Jean Guerrero-Dib, Diretor do Centro de Integridade e Ética da Universidad de Monterrey, México, e membro do International Center for Academic Integrity. A participação é aberta à comunidade interna e externa da Universidade, com especial direcionamento a alunos de mestrado e doutorado e professores pesquisadores envolvidos com desenvolvimento de projetos de pesquisa. De acordo com a Coordenadora Geral de Pesquisa da PUC-Campinas, professora Giovanna Rosa Degasperi, a motivação para organizar o evento veio da necessidade de disseminar a cultura de integridade e de criar momentos para discussão, por exemplo, sobre plágio, autoplágio, revistas científicas predatórias, más condutas no uso e tratamento de dados, entre outras más condutas em pesquisa acadêmica.

Nos últimos anos, especialmente a partir da disseminação do acesso à internet, têm aumentado a preocupação com a integridade científica em toda a comunidade acadêmica. Um dos efeitos da pandemia foi colocar em destaque exatamente más práticas na ciência evidenciadas em artigos científicos com dados equivocados, que depois foram reavaliados e censurados pelo comitê editorial da revista em que o trabalho foi publicado. “Estar engajado na integridade acadêmica é conduta básica de um bom e ético profissional da ciência”, aponta a Coordenadora Geral de Pesquisa da PUC.

No Brasil, diversas universidades e instituições de pesquisa tem se mobilizado no sentido de criar políticas de boas práticas científicas e acadêmicas. A Fapesp, agência que financia pesquisa no Estado de São Paulo, publicou, em 2011, o Manual de Boas Práticas. No ano seguinte, o CNPq criou uma Comissão de Integridade na Atividade Científica. Seguindo essa tendência, no final de 2020, a PUC-Campinas criou o Comitê de Integridade em Pesquisa, que tem como objetivo zelar pelas boas práticas em pesquisa na Universidade e contribuir para manutenção da geração e disseminação do conhecimento científico de forma ética e íntegra. Este Comitê constitui-se como uma instância consultiva, que subsidia a Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação. “O crescimento do uso da internet, especialmente neste período de pandemia, e a pressão por grande número de publicações, na área da pesquisa, são fatores importantes que contribuem para a quantidade crescente de relatos de misconducting na ciência”, afirmou Giovanna.

Daí a importância de manter esse tema de forma constante na agenda de pesquisadores e alunos. O webinário, que acontece na próxima semana, também terá a participação da diretora regional de marketing da Turnitin, Mariana Rutigliano. A empresa desenvolveu a ferramenta adotada pela PUC-Campinas desde 2020 para ser usada pelos docentes pesquisadores e alunos de pós-graduação para detecção de plágios em textos acadêmicos. “O ambiente de discussões criado neste primeiro webinário é uma das iniciativas que contribui para estímulo da integridade científica. Estamos planejando outros eventos nos mesmos moldes ainda para este ano”, finalizou a Coordenadora de Pesquisa. As inscrições podem ser feitas neste link.

Por Patricia Mariuzzo



Marcelo Andriotti
29 de janeiro de 2021