Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular de Inverno

Inclusão de crianças e adolescentes em pautas jornalísticas rende diplomação a pesquisadora da PUC-Campinas 

Projeto da ANDI – Comunicação e Direitos reconhece trabalhos focados na promoção dos direitos infantojuvenis

A Profa. Dra. Juliana Doretto, docente do Programa de Pós-Graduação em Linguagens, Mídia e Arte e da Faculdade de Jornalismo da PUC-Campinas, recebeu, na última quinta-feira (27/05), em evento on-line promovido pela ANDI – Comunicação e Direitos, o título de “Jornalista Amigo da Criança”, conferido pela Agência aos jornalistas que fomentam os direitos humanos, com especial atenção aos das crianças e adolescentes, em suas atividades profissionais.

A pesquisadora, que atua na área de jornalismo para a infância, aborda em seus estudos a relação das crianças e jovens com o jornalismo de maneira geral. Sua atuação com a temática, iniciada no Mestrado em Ciências da Comunicação, tem se desdobrado na inclusão de crianças e adolescentes nas pautas jornalísticas, processo que envolve a compreensão de suas necessidades e a produção de conteúdo de qualidade destinado a este público.

Além da pesquisadora, outros 20 profissionais, incluindo jornalistas de imprensa que promovem debates sobre os direitos da infância em seus respectivos veículos, foram diplomados pela ANDI – Comunicação e Direitos na ocasião. A antiga Agência de Notícias dos Direitos da Infância, hoje atuante num escopo ampliado, que contempla a promoção do desenvolvimento social e da diversidade, vem premiando e reconhecendo, com o projeto “Jornalista Amigo da Criança”, desde 1997, trabalhos que atuam na implementação desses direitos.

Em sua fala durante a cerimônia de diplomação, Juliana enalteceu a importância de defender os direitos humanos, inclusive os do público infantojuvenil, que constituem a sociedade e devem estar presentes nas narrativas jornalísticas. A professora comemorou a oportunidade de compor um grupo de profissionais que compartilha desses mesmos valores.

“A ANDI, ao observar trabalhos como o meu, focados em mostrar a importância da inclusão das crianças e adolescentes em pautas, em fazer cobertura jornalística qualificada na área infantojuvenil, nos fortalece e nos dá ânimo para continuar”, frisou a docente.

Veja a cerimônia de diplomação



Vinícius Purgato
27 de maio de 2021