Engenharia Química

Sobre o Curso

O curso de Engenharia Química é proposto com base em atividades de ensino, de pesquisa e de extensão para a formação de profissionais preparados para atuar de forma competente, crítica e criativa no mercado de trabalho. Além disso, o curso deve formar profissionais habilitados a desenvolver estudos e pesquisas que contribuam para o avanço do conhecimento da área, em conformidade com o estipulado pelos sistemas CONFEA/CREA e CFQ/CRQ, contribuindo para a construção de uma sociedade justa e solidária, como preconizado na Missão da Universidade.
Haverá também o incentivo à participação dos alunos em Programas de Mobilidade Acadêmica internacionais, de modo que, possam compreender, com uma visão pluralizada e multicultural, os processos de internacionalização estimulados pela globalização que, por sua vez, influenciam as organizações econômicas e sociais, para atuarem com êxito no mercado profissional.

Perfil do Egresso

O Perfil do Egresso proposto no Projeto Pedagógico do curso de Engenharia Química, que reflete as necessidades da sociedade no que se refere à área, é o de um Engenheiro Químico com uma formação generalista, capaz de projetar, operacionalizar e gerir processos produtivos no âmbito do ambiente de negócios globalizado, com o conhecimento e as habilidades necessárias para melhorar e desenvolver processos inovativos, sócio e ambientalmente sustentáveis, assim como técnica e economicamente viáveis nas mais diversas áreas da Química.

Recursos

LABORATÓRIOS:

- Laboratórios de ensino para disciplinas práticas (de Química, de Processos Químicos, de Hidráulica, Física, de Saneamento e Meio Ambiente, de Solos e Geologia e de Materiais de Construção e Estruturas)
- Laboratórios de Informática
 

 

  • Turno \ Duração Integral: Matutino/Vespertino - 10 Semestres
  • Campus Campus I
  • Carga Horária 4080 horas
  • Reconhecimento490º Reunião do CONSUN PORTARIA Nº 969 - 6/9/2017 - D.O.U.: 8/9/2017

Mercado de Trabalho

Mais da metade das indústrias de produção de insumos químicos do Brasil estão localizadas no estado de São Paulo, atendendo os setores têxtil, celulose e papel, petróleo e gás, polímeros, fármacos, higiene pessoal, cosméticos, alimentos, energia, meio ambiente, biotecnologia, nanotecnologia e novos materiais. Algumas empresas destas áreas, que tem oferecido oportunidades de estágio aos nossos alunos, são a Exxon, Dupont, Akzo Nobel, Suzano, Raizen, P&G, Bic, Nestlé, Basf, Roche, MSD, Cargill, Stone, WestRock, Kroton, Amyris, Hella Automotive, Goodyear, Pirelli, entre outras.

 

Nestas empresas, Engenheiro Químico pode atuar no projeto e na implantação da indústria química; no desenvolvimento de novos processos, produtos ou materiais; no controle de qualidade ou de processos. O Engenheiro Químico também pode atuar em gestão da qualidade, marketing, vendas, planejamento, assistência técnica e treinamentos. Além disso, pode ser um consultor ou empreendedor, montando sua empresa.

 

Quanto à remuneração, os sistemas CONFEA/CREA e CFQ/CRQ, que regulamentam a profissão, estabelecem a remuneração mínima do Engenheiro Químico. Porém, dependendo da função exercida e da própria formação do profissional, os rendimentos costumam superar e muito este mínimo.

Avaliação

  • Ministério da Educação - CONCEITO DE CURSO
    Conceito: 5
    Ano: 2017

DIRETORA ADJUNTA

BETÂNIA HOSS LUNELLI

DIRETORA DO CURSO DE ENGENHARIA QUÍMICA

Sobre o Curso

O curso de Engenharia Química é proposto com base em atividades de ensino, de pesquisa e de extensão para a formação de profissionais preparados para atuar de forma competente, crítica e criativa no mercado de trabalho. Além disso, o curso deve formar profissionais habilitados a desenvolver estudos e pesquisas que contribuam para o avanço do conhecimento da área, em conformidade com o estipulado pelos sistemas CONFEA/CREA e CFQ/CRQ, contribuindo para a construção de uma sociedade justa e solidária, como preconizado na Missão da Universidade.
Haverá também o incentivo à participação dos alunos em Programas de Mobilidade Acadêmica internacionais, de modo que, possam compreender, com uma visão pluralizada e multicultural, os processos de internacionalização estimulados pela globalização que, por sua vez, influenciam as organizações econômicas e sociais, para atuarem com êxito no mercado profissional.

Perfil do Egresso

O Perfil do Egresso proposto no Projeto Pedagógico do curso de Engenharia Química, que reflete as necessidades da sociedade no que se refere à área, é o de um Engenheiro Químico com uma formação generalista, capaz de projetar, operacionalizar e gerir processos produtivos no âmbito do ambiente de negócios globalizado, com o conhecimento e as habilidades necessárias para melhorar e desenvolver processos inovativos, sócio e ambientalmente sustentáveis, assim como técnica e economicamente viáveis nas mais diversas áreas da Química.

Recursos

LABORATÓRIOS:

- Laboratórios de ensino para disciplinas práticas (de Química, de Processos Químicos, de Hidráulica, Física, de Saneamento e Meio Ambiente, de Solos e Geologia e de Materiais de Construção e Estruturas)
- Laboratórios de Informática
 

 

  • Ingressantes do Vestibular 2º sem 2019 Integral: Matutino/Vespertino - 11 Semestres
  • Turno \ Duração Integral: Matutino/Vespertino - 10 Semestres
  • Campus Campus I
  • Carga Horária 4080 horas
  • Reconhecimento490º Reunião do CONSUN PORTARIA Nº 969 - 6/9/2017 - D.O.U.: 8/9/2017

Mercado de Trabalho

Mais da metade das indústrias de produção de insumos químicos do Brasil estão localizadas no estado de São Paulo, atendendo os setores têxtil, celulose e papel, petróleo e gás, polímeros, fármacos, higiene pessoal, cosméticos, alimentos, energia, meio ambiente, biotecnologia, nanotecnologia e novos materiais. Algumas empresas destas áreas, que tem oferecido oportunidades de estágio aos nossos alunos, são a Exxon, Dupont, Akzo Nobel, Suzano, Raizen, P&G, Bic, Nestlé, Basf, Roche, MSD, Cargill, Stone, WestRock, Kroton, Amyris, Hella Automotive, Goodyear, Pirelli, entre outras.

 

Nestas empresas, Engenheiro Químico pode atuar no projeto e na implantação da indústria química; no desenvolvimento de novos processos, produtos ou materiais; no controle de qualidade ou de processos. O Engenheiro Químico também pode atuar em gestão da qualidade, marketing, vendas, planejamento, assistência técnica e treinamentos. Além disso, pode ser um consultor ou empreendedor, montando sua empresa.

 

Quanto à remuneração, os sistemas CONFEA/CREA e CFQ/CRQ, que regulamentam a profissão, estabelecem a remuneração mínima do Engenheiro Químico. Porém, dependendo da função exercida e da própria formação do profissional, os rendimentos costumam superar e muito este mínimo.

Avaliação

  • Ministério da Educação - CONCEITO DE CURSO
    Conceito: 5
    Ano: 2017

DIRETORA ADJUNTA

BETÂNIA HOSS LUNELLI

DIRETORA DO CURSO DE ENGENHARIA QUÍMICA