Observatório PUC-Campinas
Observatório
PUC-Campinas
Facebook
Central de
Atendimento
ao Aluno

Celular em sala de aula pode ajudar no processo de aprendizagem

No próximo mês, entra em vigor na França a proibição de telefones celulares em escolas públicas. A medida polêmica levantou a discussão sobre os benefícios e malefícios que o aparelho pode trazer para os estudantes.

Segundo o Prof. Dr. Alexandre César Santos Rezende, da Faculdade de Ciências Biológicas da PUC-Campinas, que possui estudos na área de Neurobiologia voltada para a aprendizagem, é difícil negar o uso do celular na sociedade atual, em que ninguém vive sem o aparelho, mas é possível tornar esse uso mais produtivo. “Dentro das tendências e até mesmo da realidade atual da educação, não existe você pensar uma realidade sem celular, ele já é parte integrante da nossa vida. Eu sou a favor de você ter um controle do uso do celular, não proibição”, diz.

De acordo com o professor, se bem utilizado, o aparelho pode ser um aliado no processo de aprendizagem. “Celular tem que ser bem monitorado, limitando o uso em sala de aula. Mas ele pode ser utilizado de forma positiva e que gera aprendizagem, por exemplo, eu já fiz uso de celular em sala de aula como estratégia e funcionou muito bem. Dentro das metodologias ativas, tem um método que se chama aprendizagem aos pares. É uma estratégia que eu faço da seguinte forma: eu escolho um tema que eu estou trabalhando em aula, separo dois tópicos importantes e falo para os alunos pegarem seus livros e celulares para pesquisarem sobre esses temas. E eles ficam em pares e pesquisam mesmo, depois cada par fala os pontos que encontraram e fechamos juntos os conceitos. Essa estratégia funciona muito bem, porque eles ficam felizes fazendo ativamente o exercício e do jeito que gostam de fazer, ou seja, utilizando a tecnologia que eles convivem todos os dias”, explica.

A ponderação no uso do celular pode ser o segredo para a criação de ambientes mais produtivos e efetivos em sala de aula.

Neurobiologia da Aprendizagem

O uso do celular no processo de aprendizagem e outros temas serão abordados no Curso de Atualização “Neurobiologia da Aprendizagem”, que está com inscrições abertas até o dia 13 de agosto de 2018. O Curso é voltado a profissionais e estudantes, professores da rede pública e privada do ensino fundamental e médio, alunos e demais interessados em neuroaprendizagem.

O objetivo do Curso, que tem carga horária de 8 horas, é oferecer conhecimento básico sobre a aprendizagem e memorização de informações, de modo que os estudos possam ser aplicados para a melhoria do rendimento acadêmico.

Os interessados podem se inscrever no link abaixo:

https://www.puc-campinas.edu.br/extensao/curso-de-extensao/?curso=237390&classe=01&aass=20181


Pesquisar

Veja também

Cursinho Popular da Faculdade de Arquitetura abre inscrições para 2019

Universidade participa de projeto para criar Hub Internacional de Desenvolvimento Sustentável

Resultado da 1ª Chamada e os Pré-Selecionados em 2ª Chamada – Vestibular Social 2019

Local da Prova do Novo Vestibular 2019

Universidade divulga lista de aprovados nos Cursos de Especialização