Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Contatos oficiais Área do aluno
Novo Vestibular

Universidade oferece plantão psicológico gratuito aos funcionários da Instituição

Acompanhamento é voltado à promoção e manutenção da saúde mental dos colaboradores. Atendimentos ocorrem às segundas, quintas e sextas-feiras, no DMT, mediante agendamento

Plantões psicológicos serão oferecidos gratuitamente aos funcionários da PUC-Campinas a partir do mês de abril. O projeto, que decorre de parceria entre a Divisão de Recursos Humanos (DRH), o Departamento de Medicina do Trabalho (DMT) e o Serviço-Escola de Psicologia, busca fornecer apoio especializado para promoção e manutenção da saúde mental dos colaboradores. Os atendimentos serão realizados de forma presencial, no DMT, mediante agendamento pelos telefones (19) 3343-7137 e (19) 3343-7375.

Com início no dia 4 de abril, os plantões ocorrem três vezes por semana: às segundas-feiras, das 9h às 11h, às quintas-feiras, das 13h às 15h, e às sextas-feiras, das 15h às 17h. O objetivo é oferecer uma escuta profissional e qualificada, permitindo ao funcionário reconhecer questões que afetam o seu dia a dia. Se necessário, o paciente é encaminhado para serviços externos de acolhimento, de acordo com as suas particularidades.

Colaboradores com sentimento de tristeza, ansiedade, angústia e desespero, bem como outras manifestações de vulnerabilidade, podem se cadastrar espontaneamente para a utilização do serviço. Os atendimentos são feitos pela Faculdade de Psicologia da PUC-Campinas e garantem sigilo para proteger a intimidade dos colaboradores da Instituição.

Para Coordenadora Geral da Divisão de Recursos Humanos da PUC-Campinas, Daniela Andrade Couto Lisoni, o projeto reforça o compromisso institucional de promover saúde e bem-estar aos colaboradores. Ela reitera, contudo, que o serviço não tem o caráter de psicoterapia. O objetivo é fornecer um espaço de orientação psicológica aos funcionários.

“É um serviço de acolhimento para que os colaboradores possam dividir suas angústias, medos, sofrimentos, e recebam orientações dos caminhos para resolver essas questões”, diz Daniela.



Vinícius Purgato
30 de março de 2022