Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular 2021

Santa Casa de Limeira recebe 90 protetores faciais produzidos na PUC-Campinas

Laboratórios da Universidade estão produzindo equipamentos para hospitais da região

A PUC-Campinas entregou mais 90 kits de protetores faciais que estão sendo produzidos nos laboratórios da Universidade. Desta vez, a instituição beneficiada foi a Santa Casa de Limeira. Já haviam sido entregues 115 Kits, sendo 100 para o Hospital da PUC e 15 kits para o Centro de Saúde Taquaral.
“Essa contribuição nos ajuda a manter o serviço prestado, garantindo o acesso à saúde de qualidade para milhares de pessoas, todos os dias. Ficamos imensamente gratos pela iniciativa”, disse José Roberto Piccinin, provedor da Santa Casa. A instituição atende pelo SUS 80% dos moradores de Limeira, Iracemápolis, Cordeirópolis e Engenheiro Coelho.
A Universidade começou a produzir os protetores faciais em conjunto com a empresa Sethi 3D, após adaptar um projeto do Instituto da Georgia Tech. Utilizando inicialmente um projeto aberto disponibilizado pelo MIT (Massachusetts Institute of Technology), a produção estava demorando cerca de duas horas e meia por máscara. Mas com a adaptação feita na PUC-Campinas, utilizando conjuntamente cortadoras a laser e impressoras 3D, o tempo caiu para dois minutos.
Além de produzir o material nos seus laboratório, a PUC-Campinas está disponibilizando modelos de seu projeto para outras instituições que queiram produzir o equipamento (clique aqui para saber mais). Os arquivos em diferentes formatos podem ser feitos na cortadora a laser e na impressora 3D.
O equipamento, feito em policarbonato e acetato, além de proporcionar maior segurança aos médicos e enfermeiros, tem prazo de validade maior do que as máscaras utilizadas normalmente. O protetor pode ser reutilizado depois de higienizado de forma adequada.



Avelino Souza
17 de abril de 2020