Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular 2021

PUC-Campinas se destaca em ranking internacional de sustentabilidade

Estudos com universidades de todo mundo avaliam ações ambientais implantadas dentro dos campi

O ranking internacional UI GreenMetric World University Ranking 2019, que avalia as universidades mais sustentáveis ecologicamente, destaca a PUC-Campinas entre as mais responsáveis do mundo. A Universidade é uma das três mais bem avaliadas no Estado de São Paulo, sendo a primeira particular no levantamento.

A UI GreenMetric World University Ranking é uma iniciativa da Universitas Indonésia, que criou um ranking de alcance global para avaliar quesitos relativos à sustentabilidade nas instituições de ensino superior. Em 2019, entraram para o ranking 780 universidades.

O objetivo é fornecer o resultado da pesquisa sobre as condições e políticas atuais relacionadas à sustentabilidade nas universidades. Com isso, pretende incentivar administradores das instituições e das comunidades a darem mais atenção ao combate às mudanças climáticas globais, conservação de energia e água, reciclagem de resíduos e transporte ecológico.

A metodologia da pesquisa é baseada em três critérios: Meio Ambiente, Economia e Equidade. A partir desses quesitos, é feita a coleta de informações básicas do tamanho da universidade e seu perfil de zoneamento, seja urbano, suburbano ou rural. Também avaliam tamanho de espaço verde, consumo de eletricidade, transporte, uso da água, gerenciamento de resíduos sólidos, configuração e infraestrutura, energia e mudanças climáticas e educação e pesquisa.

A PUC-Campinas se destacou pelo uso responsável de energia, transporte, uso de água, reciclagem e tratamento de resíduos sólidos. A Universidade tem uma série de ações para troca de lâmpadas que resultam em uma iluminação mais barata e eficiente, geração de energia solar, reaproveitamento de água, tratamento de resíduos, reciclagem de material, produção própria de produtos de limpeza, desenvolvimento de pesquisa de carros elétricos e para redução de desperdício de recursos naturais e energia.

Com isso, ela ficou entre as 20 universidades brasileiras mais compromissadas em enfrentar os problemas de sustentabilidade e impacto ambiental, a 6ª melhor universidade privada do país e a melhor universidade privada do Estado de São Paulo.



Marcelo Andriotti
7 de janeiro de 2020