Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular 2021

PUC-CAMPINAS DIVULGA PROTOCOLOS SANITÁRIOS E DE PROTEÇÃO

 

Medidas são, neste momento, somente para os estudantes concluintes das áreas da Saúde, Química e Engenharia Química, Arquitetura e Educação Física.

 

A PUC-Campinas divulga os protocolos sanitários e de proteção adotados em seus campi. Essas orientações são destinadas, neste momento, somente a funcionários, professores e estudantes concluintes dos Cursos da Área da Saúde (Enfermagem, Farmácia, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Medicina, Medicina Veterinária, Nutrição, Psicologia, Odontologia, Terapia Ocupacional), Ciências Biológicas, Química, Engenharia Química, Arquitetura e Educação Física que tenham aulas essencialmente práticas, clínicas, ambulatórios e estágios supervisionados a repor. Todos os outros estudantes da Universidade continuarão em atividades remotas.

 

A realização dessas atividades foi autorizada pelas autoridades públicas (em especial ao Decreto Municipal nº 21.015, de 21 de agosto de 2020 – PMC) e obedecerá a calendários específicos de cada Faculdade. Alunos que não se sentirem confortáveis para realizar atividades presenciais devem solicitar orientações às Diretorias das respectivas Faculdades, via requerimento eletrônico da CAA.

 

Clique aqui para acessar os protocolos

 

Os protocolos foram elaborados por especialistas da Universidade seguindo orientações da Organização Mundial da Saúde, do Ministério da Saúde e das Secretarias Estadual e Municipal de Saúde, além de normas internas de biossegurança.

 

Há orientações para uso obrigatório de máscara, diminuição de contatos e de aproximação entre frequentadores dos campi, redução de fluxo dentro das dependências, formas de utilização de equipamentos e normas de segurança para evitar aglomerações. A Universidade realiza monitoramento diário e, quando necessário, aplica protocolos de afastamento e acompanhamento de casos suspeitos.

 

Algumas das medidas tomadas foram a sinalização em todos os prédios para facilitar o deslocamento e evitar aglomeração, pontos de medição de temperatura e de higienização de mãos, além de reforço do esquema de limpeza e higienização de ambientes, móveis e equipamentos. No total, são 39 protocolos de proteção.



Portal Puc-Campinas
28 de setembro de 2020