Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular de Inverno

Equipe de alunos de Administração e Ciências Econômicas está em final de torneio internacional 

Torneio Internacional de Simuladores de Negócios Cesim Elite 2021 terá final em junho 

Uma equipe de estudantes das Faculdades de Ciências Econômicas e de Administração da PUC-Campinas é uma das finalistas do Torneio Internacional de Simuladores de Negócios Cesim Elite 2021. Participam universidades de todo o mundo e foram quatro as escolhidas entre 62 participantes da América Latina e de países de língua portuguesa. Essa primeira etapa teve participação da Colômbia, Brasil, Portugal, Equador, México, Honduras e Guatemala.

A final será entre 1º e 6 de junho de forma on-line com prêmios em dinheiro, sendo mil euros para a primeira colocada, 500 euros para a segunda e 200 euros para a terceira. Para o mundial, espera-se equipes da Europa, América Latina, China, Índia, Oriente Médio e Sudeste Asiático

A Universidade participou com duas equipes, sendo cinco alunos em cada uma. Elas são híbridas, com alunos dos dois cursos, sendo alguns concluintes e outros do primeiro semestre. A ideia é misturar diferentes turmas para que novos alunos ganhem experiência para futuras competições.

A equipe classificada em 4º lugar que vai para a final é formada pelos estudantes de Administração André Mohallem e Rodrigo Cézar Oliveira e os de Economia Gustavo Vieira, Lucas Matta Bassi e Victor Casimiro Cortezi.

A outra equipe da PUC, que não foi para a final mas também teve um bom desempenho, foi formada por Lucas Monteiro de Lima, Lucas Martins de Oliveira e Bruno Luiz Palauro, da Administração, e Victor Hugo Veltrini de Oliveira e Pedro Eduardo Ferreira Neto, da Economia.

O professor Roberto Brito de Carvalho explica que no torneio é utilizada uma ferramenta que simula negócios utilizando conceitos de várias disciplinas, em que os alunos têm que atuar como se fossem diretores de empresas de diversos setores da economia. “Esse software é utilizado há anos na Universidade e fomos convidados pela empresa criadora da ferramenta para formar equipes para participar do torneio internacional”, disse o professor.

A professora Camila Brasil utiliza essa ferramenta para a prática de conceitos de marketing; e Carvalho, no funcionamento real dos mercados em nível internacional. Eles trabalharam como selecionadores dos competidores, formaram os grupos, treinaram e coordenaram os trabalhos.

Neste ano os negócios escolhidos no torneio foram de postos de gasolina e lojas de conveniência. Os alunos tiveram que realizar escolhas relacionadas a marketing, definição de preços, gestão de estoques, definição de custo, ampliação ou não dos negócios etc.

“O torneio é muito interessante, pois permite aos alunos aprofundar seus conhecimentos. Foi gratificante ver o empenho e dedicação dos estudantes das duas equipes na competição, que não é uma atividade obrigatória e nem faz parte da avaliação do curso. Eles levaram muito a sério e puderam ver que o que estão aprendendo aqui é o mesmo que estão ensinando nas principais universidade do mundo. Por isso, puderam competir de igual para igual”, disse Camila.



Marcelo Andriotti
12 de maio de 2021