Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular 2021

Emprego: menos o que você sabe, mais o que você consegue aprender

Pesquisa feita pela ManpowerGroup avaliou que a habilidade de aprender será a chave para conseguir emprego nos próximos anos

A palavra flexibilidade nunca foi tão importante no cenário profissional. A capacidade de adaptação e principalmente de aprendizado surge como a chave para os que desejam construir uma carreira nos próximos dois anos.

Uma pesquisa feita pela ManpowerGroup, grupo internacional de recrutamento e seleção, ouviu 20 mil empregadores em 42 países, avaliando os impactos da automação no mercado de trabalho e quais habilidades serão mais requisitadas pelas companhias.

Dentre todas elas, a mais importante foi a capacidade de aprender. Segundo o estudo, a adaptação e o desenvolvimento de novas habilidades serão os requisitos principais a serem avaliados pelas equipes de recrutamento e seleção.

Razões

Os motivos dessa valorização estão no centro da chamada Revolução das Competências. Diante de um mundo digital e impactado pelas mudanças advindas da tecnologia, o conhecimento torna-se algo muito mais dinâmico e em constante atualização.

Soft Skills

Ainda de acordo com a pesquisa, o profissional ideal será aquele que tem as seguintes competências: comunicação, colaboração, criatividade, empatia, relacionamento, curiosidade e desejo de aprender.  Para mais de 50% dos entrevistados, a comunicação é a habilidade mais importante dentre todas essas soft skills, sendo também a mais difícil de ser encontrada nos profissionais.

Ensinar a aprender

Uma das propostas acadêmicas da PUC-Campinas para 2019 é justamente a inovação no ensino superior. A principal preocupação é preparar o aluno para as novas demandas do mercado profissional e desenvolver habilidades essenciais durante a graduação e a pós-graduação.

“Os Cursos de Especialização da PUC-Campinas, por exemplo, são desenhados para que o aluno seja protagonista na aprendizagem e na troca de experiências. Por meio de estudos de caso, debate com palestrantes experientes e outras metodologias ativas, nós potencializamos competências e habilidades como criatividade, proatividade, trabalho em equipe e pensamento inovador”, explica a Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da PUC-Campinas, Alessandra Borin Nogueira.

Conheça aqui as opções de cursos oferecidos pela Universidade: https://bit.ly/2CIpBbW



Vinícius Purgato
25 de dezembro de 2018