Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular 2021

Atividade faz parte das Ações Solidárias – programação de acolhida dos calouros

Nesta quarta-feira, dia 16 de fevereiro, a Faculdade de Ciência Biológicas da PUC-Campinas reunirá veteranos e ingressantes para a construção de uma horta hidropônica vertical com material reutilizado. Essa é uma técnica de cultivo que dispensa o uso do solo, pois as plantas são colocadas em garrafas pet e cultivadas em solução nutritiva.

A atividade que tem o objetivo de integrar calouros e veteranos e, incentivar a cidadania, será realizada no Campus II, em dois períodos, às 10h00 e às 20h, para que os estudantes dos períodos, matutino e noturno, possam participar.

Está prevista a utilização de 200 garrafas pets, ou seja, poderão ser cultivadas até 200 mudas de plantas diferentes. As mais comuns ao método são: salsinha, coentro, salsão, orégano, manjericão, alface, agrião, brócolis, pimentão, tomate, morango, etc. Os estudantes poderão acompanhar o cultivo das plantas, ao longo do ano, fazer a colheita e levá-la para casa.

A criação da horta hidropônica faz parte da programação de acolhida dos calouros da Universidade. Estão sendo realizadas Ações Solidárias, com essa, como forma de contribuir para a formação social do jovem estudante. “É importante ter o início da vida acadêmica marcado por atividades que visam a solidariedade”, disse o presidente Comitê Permanente de Acolhida aos Calouros (CPAC), José Donizeti de Souza.

Vantagens da Horta Hidropônica – É ecologicamente mais eficiente que o sistema convencional de plantio, devido a:

– Necessidade de pouco espaço;
– Tempo menor de colheita, evitando que os alimentos tenham que vir de longas distâncias, diminuindo o custo do transporte e, consequentemente, a poluição do ar;
– Produção de plantas mais saudáveis e resistentes, cultivadas em água potável, sem metais pesados;
– Nenhum uso, ou uso reduzido de adubos e agrotóxicos, impedindo a contaminação dos lençóis freáticos. Além de incentivar a reciclagem, devido ao reaproveitamento de garrafas pet.



Portal Puc-Campinas
15 de fevereiro de 2011