Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular 2021

Cerca de 160 alunos da Faculdade de Ciências Biológicas da PUC-Campinas farão duas aulas de campo na Ilha do Cardoso, litoral Paulista, na qual analisarão o ecossistema da região e farão coleta de material para estudo em sala de aula. Entre os temas pesquisados estão fungos e organismos que indicam a qualidade do ar. A atividade, que está em sua terceira edição, ocorrerá neste final de semana (15 a 17 de junho). Durante a viagem os alunos poderão correlacionar as diferentes disciplinas que compõem o curso de forma prática sob a coordenação do professor Jodir Pereira da Silva. “Ver o animal fixado no laboratório é diferente do que ver o animal vivo em campo. Alguns animais só se vê em campo mesmo, como os golfinhos”, explica o professor.

Essa é a terceira viagem dos alunos para a região. No retorno poderão comparar os dados colhidos nas últimas viagens e analisar as mudanças ambientais do local. De acordo com o professor, analisando algumas espécies da fauna e da flora pode-se obter informações sobre as variações na qualidade do ar naquela região. “Faremos esse estudo para saber o que mudou ou vem mudando na região em termos ambientais e de preservação”, explicou Silva.

As atividades serão dividias em três etapas para que todos os alunos tenham contato com as mais variadas espécies encontradas. Na primeira atividade, o grupo utilizará uma escuna para pesquisa de organismos marinhos nas categorias: plânctons, néctons e dentos. Na segunda etapa, o grupo ficará no meio da Mata Atlântica onde farão um levantamento dos organismos que colonizam a superfície das árvores, principalmente um estudo sobre liquens, fungo que indica a qualidade do ar. Na terceira atividade, a turma acompanhará uma atividade de pesca e poderá fazer um estudo biológico com os peixes que serão coletados.



Portal Puc-Campinas
14 de junho de 2007