Acessibilidade  
Central de Atendimento ao Aluno Área do aluno
Vestibular 2021

Alunos da Faculdade de Engenharia Civil da PUC-Campinas venceram o Concurso Nacional do Ibracon (Instituto Brasileiro do Concreto), realizado entre os dias 22 e 27 de setembro, no Rio de Janeiro (RJ), durante o 48º Congresso Brasileiro do Concreto.

No congresso já é tradicional o Concurso APO (Aparato de Proteção ao Ovo), no qual estudantes de Engenharia Civil concorrem ao Prêmio Professor Telêmaco Hyppólito de Macedo von Langendonck. O concurso consiste no projeto e fabricação de um pórtico (conjunto de dois pilares e uma viga), em escala reduzida, que tem sua resistência testada pela aplicação de golpes de um peso padrão, a alturas variáveis.

No congresso realizado em setembro, no Rio de Janeiro (RJ), equipe da Faculdade de Engenharia Civil da PUC-Campinas conquistou o primeiro e o segundo lugares na competição, trazendo o título de campeões nacionais na 13ª edição do concurso. No congresso em Olinda (PE), em 2005, a mesma equipe conquistou o 3º lugar e no congresso de Florianópolis (SC), em 2004, o 5º lugar.

Os alunos envolvidos no trabalho são: Diogo Guerreiro, Marcel Giubilei de Oliveira, Rodrigo Scandiuzi Gusson, Ricardo Augusto Zanella, Guilherme Zavatto Alves Pereira, Stephanie Andressa Bilatto Mariano Cesar, Tatiana Nascimento Soares e Carlos Manoel Martins. Eles foram orientados pelos professores Rosa Cristina Cecche Lintz (titular da disciplina Materiais de Construção), Marco Antonio Carnio (disciplina Concreto Armado) e João Carlos Rocha Braz (disciplina Concreto Armado).

Os pórticos vencedores foram desenvolvidos no Laboratório de Materiais e Estruturas, no Centro de Ciências Exatas, Ambientais e de Tecnologias (Ceatec), no Campus I.

A partir da conquista, os alunos e a PUC-Campinas estão credenciados pelo Ibracon a representarem o Brasil no Concurso Internacional da ACI (American Concrete Institute), que será realizado em 2007.

Como funciona o concurso

Vence o pórtico – sob o qual é colocado um ovo (daí o nome do concurso) – que oferecer maior resistência ao impacto do peso. Quanto mais golpes receber sem quebrar o ovo, maior será a sua resistência. O objetivo é proteger ovo, como se este representasse um usuário da estrutura e a tarefa do engenheiro fosse a de proteger sua vida, dimensionando corretamente a estrutura.

Para que o pórtico apresente resistência suficiente, é necessário que se elabore um projeto adequado quanto à forma geométrica, sempre atendendo ao regulamento que impõe dimensões e peso máximos para o pórtico.

Além disso, o estudo do traço do concreto (proporções entre os diversos elementos componentes do concreto) é de elevada importância, pois é esse estudo que define a resistência do material à compressão e a outras solicitações advindas da aplicação do peso. As armaduras utilizadas (fios de aço) também devem ser dispostas da forma mais inteligente possível para absorver os esforços de tração.

Serviço

A Faculdade de Engenharia Civil integra o Centro de Ciências Exatas, Ambientais e de Tecnologias da PUC-Campinas, juntamente com as seguintes faculdades: Análise de Sistemas, Engenharia Ambiental, Arquitetura e Urbanismo, Engenharia da Computação, Engenharia Elétrica, Geografia e Matemática. Mais informações sobre os cursos de graduação, pós-graduação e extensão da PUC-Campinas, bem como sobre seus serviços oferecidos à população estão no portal www.puc-campinas.edu.br. Releases sobre outros assuntos divulgados por esta Assessoria de Imprensa e links com as publicações editoriais da Universidade estão no site www.puc-campinas.edu.br/imprensa.



Portal Puc-Campinas
18 de outubro de 2006